Blog

Quando nossos amados pets apresentam algum tipo de tumor, a preocupação com sua saúde e bem-estar é imediata. Uma das ferramentas mais valiosas para um diagnóstico preciso e um tratamento eficaz é o exame histopatológico. Neste artigo, explicaremos a importância desse exame, como ele funciona e por que optar pelo nosso laboratório para realizar essas e outras análises com qualidade e segurança para o seu pet.

O Que é o Exame Histopatológico?

O exame histopatológico é um procedimento que envolve a análise microscópica de tecidos retirados do animal, geralmente através de uma biópsia. Esse exame é fundamental para identificar a natureza do tumor, diferenciando se ele é benigno ou maligno, e para entender seu comportamento e agressividade.

Por Que o Exame Histopatológico é Importante?

  1. Diagnóstico Preciso: O exame histopatológico fornece informações detalhadas sobre o tipo de tumor, o que é essencial para determinar o melhor plano de tratamento.
  2. Planejamento do Tratamento: Com base nos resultados, os veterinários podem decidir o tratamento mais adequado, seja cirurgia, quimioterapia ou outros métodos.
  3. Prognóstico: O exame ajuda a prever o comportamento do tumor, possibilitando uma estimativa mais precisa sobre o prognóstico do pet.

Vantagens de Realizar o Exame em Nosso Laboratório

No nosso laboratório, oferecemos um serviço completo e de alta qualidade para o exame histopatológico, com algumas vantagens importantes:

  1. Processamento Interno: Todos os exames são processados em nosso próprio laboratório, garantindo maior controle de qualidade e rapidez nos resultados.
  2. Laudos em Até 5 Dias: Sabemos que a espera por um diagnóstico pode ser angustiante. Por isso, nossos laudos são liberados em até 5 dias, permitindo um diagnóstico rápido e eficiente.
  3. Equipe Especializada: Contamos com uma equipe de especialistas em patologia veterinária, dedicados a fornecer os melhores resultados possíveis para o bem-estar do seu pet.

Optar pelo exame histopatológico em nosso laboratório veterinário em Maringá é garantir um diagnóstico preciso e rápido para seu pet. Com nossa equipe especializada e o processamento interno dos exames, oferecemos um serviço de qualidade e confiabilidade. Não deixe a saúde do seu pet ao acaso. Entre em contato conosco e agende o exame histopatológico hoje mesmo.


Se você está procurando por um laboratório veterinário confiável em Maringá para realizar o exame histopatológico do seu pet, entre em contato conosco agora mesmo. Nosso compromisso é com a saúde e bem-estar dos seus animais de estimação.

Se você é avicultor e se preocupa com a saúde e o bem-estar dos seus frangos de corte, é crucial entender a importância do monitoramento da Salmonella em rações e DDG (Grãos Destilados de Grãos) utilizados na alimentação das aves. Neste artigo, vamos explicar de maneira simples por que esse monitoramento é essencial e como ele pode garantir a qualidade da produção avícola.

Por Que Monitorar a Salmonella em Rações e DDG?

Riscos para a Saúde Animal

A presença de Salmonella na ração e no DDG representa um sério risco para a saúde dos frangos de corte. Essa bactéria pode causar infecções intestinais graves, levando a sintomas como diarreia, desidratação, perda de peso e até mesmo a morte das aves.

Segurança Alimentar

Além dos riscos para os frangos, a presença de Salmonella na alimentação das aves também representa uma ameaça para a segurança alimentar. Se os frangos contaminados forem abatidos e processados para consumo humano, pode haver o risco de contaminação dos produtos avícolas, colocando em perigo a saúde dos consumidores.

Como é Feito o Monitoramento?

Coleta de Amostras

O monitoramento da Salmonella em rações e DDG envolve a coleta regular de amostras desses ingredientes utilizados na alimentação das aves.

Análise Laboratorial

As amostras são enviadas para análise em laboratórios especializados, onde são realizados testes para detectar a presença de Salmonella.

Identificação e Controle

Se a Salmonella for detectada, medidas imediatas de controle e prevenção devem ser implementadas, como a identificação da fonte de contaminação e a aplicação de práticas de higiene e manejo adequadas.

Benefícios do Monitoramento Regular

Prevenção de Doenças

O monitoramento regular da Salmonella ajuda a prevenir a disseminação da bactéria e a reduzir o risco de infecções nos frangos de corte.

Garantia de Qualidade

Um controle eficaz da Salmonella na alimentação das aves garante a qualidade e a segurança dos produtos avícolas destinados ao consumo humano.

Conformidade com Normas Sanitárias

O monitoramento da Salmonella é essencial para garantir a conformidade com as normas sanitárias e regulamentações governamentais.

O monitoramento da Salmonella em rações e DDG é fundamental para garantir a saúde e a segurança dos frangos de corte, bem como a qualidade dos produtos avícolas. Se você é avicultor e busca um laboratório de sanidade avícola confiável em Maringá, estamos aqui para ajudar. Conte conosco para garantir o melhor cuidado para suas aves e a qualidade da sua produção.

Raio-X de Tórax em Cadelas com Tumores de Mama: Por Que é Importante?

6 de junho de 2024 por veterinaria

Se você é tutor de uma cadela diagnosticada com tumor de mama, uma das etapas importantes do cuidado veterinário é o raio-x de tórax. Este exame é essencial para avaliar se há metástases (disseminação do câncer) nos pulmões. Neste artigo, vamos explicar de maneira simples a importância do raio-x de tórax e como ele pode ajudar no tratamento da sua cadela.

O Que é um Raio-X de Tórax?

O raio-x de tórax é um exame de imagem que permite visualizar o interior do tórax do animal, incluindo os pulmões, o coração e outras estruturas. É um procedimento não invasivo e rápido, que fornece informações detalhadas sobre a saúde interna do seu pet.

Por Que Fazer um Raio-X de Tórax em Cadelas com Tumores de Mama?

Avaliação de Metástase

Os tumores de mama em cadelas têm um risco significativo de metástase, ou seja, de espalhar células cancerosas para outras partes do corpo, especialmente para os pulmões. O raio-x de tórax é uma ferramenta crucial para detectar essas metástases, ajudando a determinar a extensão da doença.

Planejamento do Tratamento

Identificar a presença de metástases pulmonares é essencial para planejar o tratamento adequado. Se houver metástases, o veterinário poderá recomendar uma abordagem diferente, como quimioterapia ou cuidados paliativos, ao invés de cirurgia.

Monitoramento da Doença

Para cadelas que já passaram por tratamento para tumor de mama, o raio-x de tórax pode ser usado periodicamente para monitorar a saúde e garantir que o câncer não tenha retornado ou se espalhado.

Como é Feito o Raio-X de Tórax?

Procedimento Simples e Rápido

  1. Preparação do Animal: Dependendo do temperamento da cadela, pode ser necessário um leve sedativo para mantê-la calma e imóvel durante o exame.
  2. Posicionamento: A cadela é posicionada de maneira a permitir uma visualização clara do tórax.
  3. Captura da Imagem: O raio-x é feito em poucos segundos, capturando imagens detalhadas do interior do tórax.

Interpretação dos Resultados

O veterinário analisa as imagens para identificar quaisquer anormalidades nos pulmões que possam indicar a presença de metástases. Dependendo dos achados, o veterinário discutirá com você as melhores opções de tratamento e cuidados.

Importância do Diagnóstico Precoce

A detecção precoce de metástases pode melhorar significativamente a qualidade de vida da sua cadela e permitir um tratamento mais eficaz. Quanto mais cedo as metástases forem identificadas, mais opções de tratamento estarão disponíveis.

O raio-x de tórax é uma ferramenta essencial no cuidado de cadelas com tumores de mama, ajudando a identificar metástases pulmonares e a planejar o melhor tratamento possível. Se você é tutor de uma cadela em Maringá e precisa realizar um raio-x de tórax, nosso laboratório veterinário está à disposição para oferecer o melhor cuidado para sua pet.

Testes Rápidos de FIV, FeLV e 4DX: Tudo que os Tutores de Pets Precisam Saber

6 de junho de 2024 por veterinaria

Se você é tutor de um gato ou cão e mora em Maringá, provavelmente já ouviu falar dos testes rápidos para FIV, FeLV e 4DX. Esses exames são essenciais para garantir a saúde dos nossos pets. Neste artigo, vamos explicar de maneira simples o que são esses testes, como funcionam e por que são importantes.

O Que São os Testes Rápidos de FIV e FeLV?

FIV (Vírus da Imunodeficiência Felina)

A FIV é uma doença viral que afeta o sistema imunológico dos gatos, semelhante ao HIV em humanos. Gatos infectados com FIV podem levar anos para mostrar sinais da doença, mas quando ocorrem, podem incluir perda de peso, febre, inflamações na boca, e infecções recorrentes.

Teste Rápido de FIV:

FeLV (Vírus da Leucemia Felina)

A FeLV é um retrovírus que pode causar câncer e doenças graves do sangue nos gatos. Gatos infectados com FeLV podem apresentar sintomas como perda de peso, febre, e letargia.

Teste Rápido de FeLV:

O Que é o Teste 4DX?

Teste 4DX para Cães

O teste 4DX é um exame abrangente usado para detectar quatro doenças transmitidas por carrapatos e mosquitos em cães: dirofilariose, erliquiose, anaplasmose e doença de Lyme.

Teste Rápido 4DX:

Doenças Detectadas pelo 4DX

  1. Dirofilariose: Causada por vermes que vivem no coração e pulmões.
  2. Erliquiose: Causada por bactérias transmitidas por carrapatos.
  3. Anaplasmose: Outra infecção bacteriana transmitida por carrapatos.
  4. Doença de Lyme: Causada pela bactéria Borrelia burgdorferi, também transmitida por carrapatos.

Por Que Fazer Esses Testes?

Prevenção e Diagnóstico Precoce

Manter a saúde do seu pet em dia é essencial, e os testes rápidos de FIV, FeLV e 4DX são ferramentas valiosas nesse processo. Se você está em Maringá e precisa de um laboratório veterinário confiável, estamos aqui para ajudar. Realize os testes no nosso laboratório e garanta que seu amigo de quatro patas receba os melhores cuidados.

Entendendo os Exames de Sorologia e PCR em Animais: Diferenças e Importância

6 de junho de 2024 por veterinaria

Se você é tutor de um animal de estimação ou veterinário em Maringá, é provável que já tenha ouvido falar dos exames de sorologia e PCR. Ambos são ferramentas importantes na medicina veterinária, mas é crucial entender como funcionam e por que podem apresentar resultados diferentes. Este artigo vai explicar de maneira simples essas diferenças e a importância de cada exame para a saúde dos pets.

O Que São os Exames de Sorologia e PCR?

Sorologia

A sorologia é um exame de sangue que detecta a presença de anticorpos produzidos pelo sistema imunológico do animal em resposta a uma infecção. É útil para identificar se o pet foi exposto a determinados patógenos, como vírus, bactérias ou parasitas.

Como Funciona:

PCR (Reação em Cadeia da Polimerase)

O exame de PCR detecta o material genético (DNA ou RNA) do patógeno diretamente na amostra do animal. Esse método é muito sensível e pode identificar a presença do agente infeccioso mesmo em quantidades muito pequenas.

Como Funciona:

Diferenças nos Resultados: Por Que Podem Variar?

Tempo de Infecção

Tipo de Informação

Sensibilidade e Especificidade

Quando Utilizar Cada Exame?

Sorologia

PCR

Entender a diferença entre os exames de sorologia e PCR é fundamental para um diagnóstico preciso e tratamento adequado dos animais. Ambos têm suas indicações e são complementares na prática veterinária.

Se você é tutor de um pet ou veterinário em Maringá, nosso laboratório veterinário oferece ambos os exames com a mais alta qualidade e precisão. Entre em contato conosco para saber mais sobre como podemos ajudar na saúde do seu animal.

A Importância do Monitoramento da Salmonella e Enterobactérias na Criação de Frango de Corte

6 de junho de 2024 por veterinaria

Se você é avicultor, sabe que a saúde e o bem-estar dos seus frangos são essenciais para uma produção de qualidade. Um dos aspectos cruciais nesse processo é o monitoramento de patógenos como Salmonella e enterobactérias. Neste artigo, vamos explicar de maneira simples a importância desse monitoramento e como ele pode impactar sua produção.

Por Que o Monitoramento é Essencial?

Saúde Animal

A presença de Salmonella e enterobactérias pode causar sérias doenças nos frangos, comprometendo a saúde do lote. Infecções bacterianas podem levar a:

Segurança Alimentar

A Salmonella é uma das principais causas de doenças alimentares em humanos. Frangos contaminados podem transmitir a bactéria aos consumidores, causando surtos de doenças graves. Monitorar e controlar a presença dessas bactérias é crucial para garantir a segurança dos produtos avícolas.

O Que São Salmonella e Enterobactérias?

Salmonella

A Salmonella é uma bactéria que pode causar infecções intestinais em frangos, levando a sintomas como diarreia, letargia e perda de apetite. Em humanos, a infecção por Salmonella pode resultar em febre, dor abdominal e diarreia grave.

Enterobactérias

As enterobactérias são uma família de bactérias que inclui vários patógenos, como Escherichia coli. Essas bactérias podem causar infecções no trato gastrointestinal dos frangos, afetando sua saúde e desenvolvimento.

Como é Feito o Monitoramento?

O monitoramento de Salmonella e enterobactérias envolve a coleta regular de amostras nas granjas e o envio para análise em um laboratório especializado. Os principais métodos incluem:

Benefícios do Monitoramento Regular

Prevenção de Doenças

A identificação precoce de contaminações permite que os avicultores tomem medidas preventivas rapidamente, evitando a disseminação de doenças.

Melhoria na Qualidade do Produto

Frangos saudáveis resultam em carne de melhor qualidade, aumentando a satisfação do consumidor e a reputação da granja.

Redução de Perdas Econômicas

Controlar a presença de patógenos reduz a necessidade de tratamentos caros e diminui as perdas causadas pela mortalidade e baixo desempenho dos frangos.

Conformidade com Normas de Segurança

O monitoramento regular garante que a produção esteja em conformidade com as normas de segurança alimentar, evitando problemas legais e sanitários.

Monitorar a presença de Salmonella e enterobactérias na criação de frango de corte é fundamental para garantir a saúde dos animais, a segurança alimentar e o sucesso econômico da granja. Se você é avicultor e busca um laboratório de sanidade avícola de confiança, estamos aqui para ajudar. Entre em contato conosco e garanta um monitoramento eficaz e resultados de alta qualidade.

O Que Um Hemograma Pode Nos Dizer Sobre a Saúde do Seu Cão ou Gato

6 de junho de 2024 por veterinaria

Você sabia que um hemograma é uma ferramenta essencial para entender a saúde do seu pet? Se você é tutor de um cachorro ou gato e mora em Maringá, este artigo vai te ajudar a compreender melhor como esse exame pode ser crucial para o bem-estar do seu animalzinho.

O Que é um Hemograma?

Um hemograma é um exame de sangue que avalia os componentes do sangue, como glóbulos vermelhos, glóbulos brancos e plaquetas. Esse exame é comum tanto na medicina humana quanto na veterinária e pode fornecer informações valiosas sobre a saúde do seu pet.

Por Que o Hemograma é Importante?

O hemograma pode ajudar a detectar várias condições de saúde em cães e gatos, incluindo:

Componentes do Hemograma

1. Glóbulos Vermelhos (Eritrócitos)

Os glóbulos vermelhos são responsáveis por transportar oxigênio para todo o corpo. Alterações no número ou na aparência dos glóbulos vermelhos podem indicar anemia, desidratação ou problemas mais graves.

2. Glóbulos Brancos (Leucócitos)

Os glóbulos brancos são parte essencial do sistema imunológico. Eles ajudam a combater infecções e inflamações. Um aumento no número de glóbulos brancos pode indicar uma infecção ou um processo inflamatório.

3. Plaquetas

As plaquetas ajudam na coagulação do sangue. Um número baixo de plaquetas pode causar problemas de sangramento, enquanto um número elevado pode indicar outras condições.

Como o Hemograma Ajuda no Diagnóstico

Quando seu veterinário solicita um hemograma, ele está buscando pistas sobre a saúde geral do seu pet. Por exemplo:

Quando Fazer um Hemograma?

O hemograma pode ser solicitado em várias situações, como:

Manter a saúde do seu cão ou gato em dia é essencial, e o hemograma é uma ferramenta fundamental nesse processo. Se você mora em Maringá e precisa de um laboratório veterinário confiável, estamos aqui para ajudar. Agende a coleta do exame do seu pet aqui ou peça ao vet para nos encaminhar o exame coleto e garanta que seu pet receba os melhores cuidados possíveis.

Dengue: seu pet pode ficar doente?

7 de março de 2024 por veterinaria

A boa notícia é: não, seu pet não pode ter dengue!

Os humanos, por enquanto 🧐, são os únicos hospedeiros vertebrados do vírus da dengue. No entanto, os mosquitos podem transmitir outras duas doenças importantes aos animais: leishmaniose e dirofilariose.

A leishmaniose é transmitida pelo mosquito Lutzomyia longipalpis, popularmente conhecido como mosquito palha, e é considerada uma doença grave em animais.

Já a dirofilariose é transmitida pelo próprio Aedes aegypti, por isso é recomendada a prevenção contra essa doença uma vez que esse mosquito tem se tornado cada vez mais presente em nossas vidas.

❗ A única preocupação que você deve ter em relação a dengue é para que as vasilhas de água dos seus pets não funcionem como reservatórios da doença. Por isso, troque a água diariamente e limpe bem as vasilhas. Essa limpeza é importante não só para combatermos a dengue, mas também para evitarmos doenças como a giardíase.

Entre em contato:
☎️ Agendamentos | Solicitação de Coletas: (44) 99748-0613 ou (44) 3041-3399
👩‍⚕️ Assessoria Técnica: (44) 98852-3715 ou cliente@saocamiloveterinaria.com.br
👨‍💻 Comercial: (44) 99855-6198 ou comercial.pet@saocamiloveterinaria.com.br
🏥 Rua Luiz Gama, 236 – Estacionamento próprio com entrada pela Av. Cidade de Leiria

Bioinsumos e bioaditivos: a importância do controle de qualidade na criação de aves

6 de novembro de 2023 por veterinaria

O controle de qualidade em bioinsumos e bioaditivos de uso na criação de animais é essencial para garantir a segurança e a eficiência desses produtos. No caso específico de aves, o controle de qualidade é ainda mais importante, pois esses animais são suscetíveis a doenças transmitidas por bactérias, como a salmonela.

Os bioinsumos e bioaditivos são substâncias ou misturas de substâncias que são usadas para melhorar a produtividade e a saúde animal. Eles podem ser usados para aumentar o crescimento, melhorar a imunidade, prevenir doenças ou controlar pragas.

O controle de qualidade de bioinsumos e bioaditivos deve ser realizado em todas as etapas da cadeia produtiva, desde a fabricação até o uso. Os exames de contagem de enterobactérias e pesquisa de salmonella são importantes ferramentas para avaliar a qualidade desses produtos.

A contagem de enterobactérias é um exame que determina a quantidade de bactérias do grupo das enterobactérias presentes em um produto. As enterobactérias são um grupo de bactérias que podem causar doenças em humanos e animais.

A pesquisa de salmonella é um exame que detecta a presença da bactéria salmonella em um produto. A salmonella é uma bactéria que pode causar salmonelose, uma doença que pode ser grave em humanos e animais.

Um laboratório pode auxiliar no controle de qualidade de bioinsumos e bioaditivos através dos exames de contagem de enterobactérias e pesquisa de salmonella. Esses exames podem ser realizados em amostras de produtos adquiridos de fornecedores, assim como em amostras coletadas no campo.

Os resultados desses exames podem ser usados para identificar produtos de baixa qualidade ou contaminados. Isso pode ajudar a proteger a saúde animal e humana e a evitar perdas econômicas.

A seguir, alguns exemplos de como o controle de qualidade em bioinsumos e bioaditivos pode auxiliar na criação de aves:

O controle de qualidade em bioinsumos e bioaditivos é uma importante ferramenta para garantir a segurança e a eficiência da criação de aves. Os exames de contagem de enterobactérias e pesquisa de salmonella são importantes ferramentas para avaliar a qualidade desses produtos.

Salmonella em aves: como prevenir e controlar

6 de novembro de 2023 por veterinaria

A Salmonella é uma bactéria que pode causar infecções graves em humanos e animais. Em aves, a infecção pode causar diarreia, vômitos, febre e até morte.

A Salmonella é uma bactéria gram-negativa, aeróbica facultativa, que pode ser encontrada em aves, animais de sangue quente e no meio ambiente. A bactéria pode ser transmitida por meio de contato direto com aves infectadas, consumo de alimentos contaminados ou contato com água ou solo contaminados.

Importância do monitoramento

A Salmonella é um gênero de bactérias que pode causar doenças transmitidas por alimentos em humanos e animais. As aves são um importante reservatório de Salmonella, e a infecção pode ser transmitida para os humanos através da ingestão de carne de aves contaminadas.

O monitoramento da Salmonella em aviários é importante para a segurança alimentar e a saúde pública. O objetivo do monitoramento é identificar e controlar a infecção por Salmonella nas aves, a fim de reduzir o risco de transmissão para os humanos.

O monitoramento da Salmonella em aviários pode ser realizado por meio de testes laboratoriais de amostras de aves, alimentos e ambientes. Os testes podem ser realizados em amostras de fezes, ovos, carne e água.

Os resultados dos testes de monitoramento podem ser usados para identificar as fontes de infecção e implementar medidas de controle. As medidas de controle podem incluir:

O monitoramento da Salmonella em aviários é uma parte importante da segurança alimentar e da saúde pública. O objetivo do monitoramento é identificar e controlar a infecção por Salmonella nas aves, a fim de reduzir o risco de transmissão para os humanos.

Aqui estão alguns dos benefícios específicos do monitoramento da Salmonella em aviários:

No Brasil, o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) estabelece normas para o monitoramento da Salmonella em aviários. As normas estabelecem os procedimentos para a coleta e análise de amostras, bem como os critérios para a classificação das aves.

As normas do MAPA são importantes para garantir a segurança alimentar das aves e dos alimentos produzidos a partir delas.

Importância de exames laboratoriais

Os exames laboratoriais são essenciais para o controle e monitoramento da Salmonella em aviários. Eles permitem a identificação da presença da bactéria, o que é importante para a adoção de medidas de controle.

Os exames laboratoriais podem ser realizados em amostras de aves, alimentos e ambientes. As amostras de aves podem ser coletadas de fezes, ovos, carne e órgãos. As amostras de alimentos podem ser coletadas de carne, ovos, leite e outros produtos derivados de aves. As amostras de ambientes podem ser coletadas de superfícies, água e ar.

Existem vários métodos de exames laboratoriais para a Salmonella. Os métodos mais comuns incluem:

Os resultados dos exames laboratoriais podem ser usados para identificar as fontes de infecção e implementar medidas de controle. As medidas de controle podem incluir:

O monitoramento da Salmonella em aviários é uma parte importante da segurança alimentar e da saúde pública. Os exames laboratoriais são essenciais para o controle e monitoramento da Salmonella em aviários, pois permitem a identificação da presença da bactéria, o que é importante para a adoção de medidas de controle.

Importância do controle e biosseguridade


A Salmonella é um patógeno bacteriano que pode causar doenças transmitidas por alimentos em humanos e animais. As aves são um importante reservatório de Salmonella, e a infecção pode ser transmitida para os humanos através da ingestão de carne de aves contaminadas.

O controle da Salmonella em aviários é importante para a segurança alimentar e a saúde pública. O objetivo do controle é reduzir o risco de infecção por Salmonella nas aves, a fim de reduzir o risco de transmissão para os humanos.

Uma das maneiras mais eficazes de controlar a Salmonella em aviários é implementar um programa de biosseguridade sólido. A biosseguridade é uma série de medidas que visam prevenir a introdução e disseminação de doenças em uma granja.

Um programa de biosseguridade eficaz deve incluir as seguintes medidas:

A implementação de um programa de biosseguridade sólido pode ajudar a reduzir o risco de infecção por Salmonella nas aves. Isso, por sua vez, ajuda a proteger a saúde pública e a garantir a segurança alimentar.

Aqui estão alguns dos benefícios específicos do controle da Salmonella e da biosseguridade em aviários:

Laboratório São Camilo Veterinária

O Laboratório São Camilo Veterinária atua desde 2003 na área de sanidade avícola. O laboratório é credenciado pelo MAPA para realizar os exames do PNSA e acreditado pelo INMETRO.


O Laboratório São Camilo Veterinária é o melhor laboratório de escolha para diagnóstico e monitoramento da Salmonella em empresas avícolas e aviários por diversos motivos, incluindo:

Além disso, o Laboratório São Camilo Veterinária oferece uma ampla gama de serviços para diagnóstico e monitoramento da Salmonella, incluindo:

O Laboratório São Camilo Veterinária está comprometido com a qualidade e confiabilidade dos resultados dos exames, oferecendo um serviço de excelência para empresas avícolas e aviários.

Aqui estão alguns dos benefícios específicos de escolher o Laboratório São Camilo Veterinária para diagnóstico e monitoramento da Salmonella:

O Laboratório São Camilo Veterinária é a melhor escolha para empresas avícolas e aviários que buscam um laboratório de diagnóstico e monitoramento da Salmonella de alta qualidade e confiabilidade.

× Atendimento Online Available from 08:00 to 18:00 Available on SundayMondayTuesdayWednesdayThursdayFridaySaturday